quinta-feira, 6 de maio de 2010

O Monte e a Lua

O Monte grande e proeminente,
prostrado na sua solidão de pedra,
um dia viu a Lua,
linda, brilhante e bela,
e por ela perdidamente se apaixonou....

Toda noite,
a lua iluminava o monte,
com sua luz clara e delirante,
aquecendo o tristonho coração de pedra.

A Lua também nutria por ele, grande amor...
Mas que amor é esse...?
Amor que só olha, vela...
Mas não toca,
Amor impossível, sublime
Amor, sublime amor!

Sublime pela afeição, pelo carinho,
pela vontade de estar próximo,
mas da realidade de tão longe estar....

Amor que dura milhares de séculos,
amor resistente como as pedras do monte...
e delicado como a leveza da lua...

Um comentário:

  1. Parabéns pelo blog.
    Muito lindo.
    Bjs/
    Alessandro

    ResponderExcluir