domingo, 4 de setembro de 2011

Flor e beija flor


A flor andava triste.
E o beija flor cismado perguntou,
se era o amor, a causa de sua dor.

A flor balbuciou que sim.
Apaixonara-se por um pastor
que toda manhã costumava regá-la,
enquanto no campo trabalhava.

O beija flor então perguntou:
- “onde está o seu pastor ?”
E a flor respondeu: :
-“ está a regar outro amor”...




Obs: esta poesia é antiga estou  apenas reeditando-a...

16 comentários:

  1. Repleta de suavidade... e sutileza.
    Um beijo carinhoso.

    ResponderExcluir
  2. Vale a pena ler muitas vezes
    que linda poesia, delicada,
    ADOREI!!!!!!!
    PARABÉNS!
    abraço

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente ...
    Um poema leve assim , a gente sente
    Portanto , vale a pena ler , reler ,lereler
    Tresler , enfim !
    Seu cantinho poético
    Tem o canto dos pássaros
    E Citar Beijar flor combinou muito
    com a sua poesia.
    A Flor então nem se fala
    É uma das criaturas lindas
    que em seu jardim estão contidas
    sempre a regar o amor
    que lindo Ana , que lindo Ana !
    Sua missão aqui neste mundo
    (pelo menos para mim )
    é cantar a suavidade da vida
    é cantar a própria poesia
    em harminia com o cantar dos pássaros
    e de toda aurora do dia
    Aurora essa que sentimos na ALMA
    Alma essa forte que você sente
    E escreves e passas para quem a ler .
    Muito obrigado pela sua arte Ana Kalill Poetisa!


    * Também postei um poema reeditado , assim como o seu creio que seja um poema atual . Na verdade o poema nasce a parti do momento do sentir que desobrimos em nós.

    Tenha você uma maravilhosa semana .
    Poetisa que canta a suavidade !!!! Ana Kalill !

    * Ah ! Tem uma poetisa que começa com P , do blogger R...a..a( rs ) que escreveste um poema em sua homenagem . Ficou muito bonito . Parabéns Poetisa !

    ResponderExcluir
  4. Bom dia, poetisa amiga. O Caio é um bobão!Rs!Pôxa, ele quase sempre me deixa sem escrever, pois ele registra quase tudo o que eu iria comentar!Eu já falei com ele sobre isso, e ele somente ri!
    Somos seus fãs, acompanhamos o seu blog de verdade, não apenas te seguimos sem comentar!Lemos e gostamos demais das suas poesias!
    Bem, realmente você escreve com a suavidade, é amiga da docilidade, e vizinha da sensualidade.
    Passeia por todos os caminhos sem se perder, e é isso também que eu admiro em voê!
    Esta poesia é de uma singeleza, de um sentido figurado leve, mas encantador.
    A flor hoje cjora, mas amanhã ela encontrará outro pastor que a regue, a quem ela possa dedicar todo o seu amor e ser correspondida!
    Tenha uma excelente semana, e fique com Deus!
    Beijos muito sinceros!

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito, bela composição poética.
    Beijo,
    Mara

    ResponderExcluir
  6. Setembro chegou é o mês que eu nasci.
    para encantar a vida dos meus pais.
    Era tão lindo meu aniversário
    minha mãe fazia aniversário um dia depois de mim.
    Hoje sinto tristeza nessa época mais também agradeço
    a Deus por mais um ano de vida.
    Dói a saudade mesmo sabendo que hoje
    ela mora com Deus.
    Sentembro é para mim o mês mais lindo do ano
    tudo porque é meu aniversário.
    Setembro chegou e com ele a primavera
    com seu perfume suave das flores.
    Uma feliz quarta feira.
    Beijos com perfume das flores angelicais.
    Evanir

    ResponderExcluir
  7. Perfeita Poetiza Amiga:
    "...A flor andava triste.
    E o beija flor cismado perguntou,
    se era o amor, a causa de sua dor.

    A flor balbuciou que sim.
    Apaixonara-se por um pastor
    que toda manhã costumava regá-la,
    enquanto no campo trabalhava..."

    Um delicioso e soberbo poema de amor.
    Não precisa assinar, é de uma preciosidade humana extraordinária nos versos que constrói.
    Parabéns.
    Beijinhos amigos de pureza.
    No maior respeito pelo seu fabuloso talento poético que possui.
    Sempre a admirá-la

    pena

    Excelente.
    Bem-Haja, pelo carinho expresso no meu blogue.
    Adorei.
    Grato e fascinado por tanto encanto nos versos como os concebe de sensibilizar pela beleza imensa.

    ResponderExcluir
  8. Cara Ana,
    Singelo e emocionante!

    Lindos versos. Apreciei muito as rimas internas.

    Continue a escrever, você tem o dom...

    Abraços
    Agnaldo Martino

    ResponderExcluir
  9. Oieee!!!

    Estou aqui para te convidar a fazer parte do clube dos novos autores, concorrendo a sorteios de livros todos os meses, desses meninos talentosos que estão no anonimato e precisam de nós para mostrar ao mundo a sua escrita!
    Dia 10/09 serão 16 livros.
    Siga o blog, comente - eu quero participar da promoção, e divida conosco este sonho, que agora é nosso!
    Um super beijo e te espero lá! precisamos de você e de todo mundo com a gente, expandindo a literatura brasileira em uma País que não lê! AVANTE
    Adriana

    ResponderExcluir
  10. amei
    sempre acreditei
    na beleza do
    encanto entre as
    duas.
    linda semana
    bjs

    ResponderExcluir
  11. Divinamente linda a poesia, quantos de nós sentimos essa dor por ver nosso amor em outra direção....beijos e beijos de bom dia pra ti querida.

    ResponderExcluir
  12. Fizeste bem publicá-lo de novo, porque o poema é belíssimo.
    Beijos, minha amiga querida.

    ResponderExcluir
  13. lindo, doce e perfeito!
    Assim também deveria ser o amor...!
    Parabéns tou vizitando seu blog pela primeira vez e estou muito sensibilizada pela doçura que os seus poemas passam.

    ResponderExcluir
  14. Boa noite, Ana.Saudades.Tenha um excelente fim de semana de muita paz e amor!
    Um beijo grande no coração tão doce e límpido!

    ResponderExcluir
  15. Bom dia Ana.Excelente domingo para você de muita paz e saúde!
    Espero novidades!
    Beijinhos, amiga!
    Fique com Deus!

    ResponderExcluir